Eu Li - O Amor Nunca Diz Adeus

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Vindos de diferentes realidades na cidade de São Paulo, dois jovens ultrapassam as disparidades sociais, ciúmes e truques invejosos para conseguir viver o amor pleno e verdadeiro. De família humilde, uma jovem vive com a mãe e a irmã mais nova. Desempregada e com problemas financeiros, sua vida muda de rumo quando começa a trabalhar numa importante empresa de tecnologia. Ganhando a confiança do diretor e dono da maior parte das ações da firma, ela conhece toda a sua família durante uma reunião. Ao vê-la pela primeira vez, um de seus filhos apaixona-se instantaneamente pela jovem e rompe seu noivado para ficar com ela. Sua ex- noiva, uma jovem rica, ambiciosa e mimada, criará várias situações para separar o casal.

Autor: Amadeu Ribeiro
Título Original: O Amor Nunca Diz Adeus
Série: -
Editora: Vida e Consciência
Páginas: 400
Skoob

- A partir do momento que perdoamos o próximo, seja a esposa ou o marido, os pais ou os filhos, os amigos ou os inimigos, a mágoa desaparece e o amor resplandece. Por isso o amor é o mais nobre dos sentimentos e está presente em todos os corações. O amor não morre jamais, por isso devemos sempre acreditar que, por pior que possa parecer uma situação, por mais mágoa ou raiva que estivermos sentindo do outro, meus queridos, o amor nunca vai embora.

Capítulo 21; Página 221.



Natália é uma garota bonita e batalhadora, mora em um bairro pobre de São Paulo com sua mãe Bete e sua irmã Violeta, que é deficiente visual. Está desempregada, as contas estão se acumulando e ela já não sabe mais o que fazer. A moça então recebe um telefonema para uma entrevista de emprego. Todas ficam felizes com a notícia, pois infelizmente os doces e salgados que a mãe faz para fora, não pagam todas as contas e várias delas estão atrasadas. E mal sabe Natália que sua vida está preste a mudar.

Como era de se esperar, Natália consegue o emprego, seu novo patrão, Dr. Silas se encanta rapidamente com a garota. A cada dia ela se mostra mais dedicada e faz seu trabalho de forma bem feita. Não demora e Natália conhece Yuri, filho de Silas e que se apaixona a primeira vista pela garota. Só que as coisas não serão tão fáceis, ele é noivo de Soraia, uma mulher implacável, e que vai fazer de tudo para que seu casamento não seja apenas um sonho.

É claro que o enredo do livro não é apenas este. Nós temos muitos personagens e histórias entrelaçadas, e é isso que faz o livro valer a pena. Não conhecemos apenas a história do casal que acabo de contar, temos também a história de amor da mãe de Natália, as traições de Silas para com sua esposa Brenda, e a relação tempestuosa entre Brenda e sua filha mais nova, Mel. Para isso, temos personagens que encantam e alguns que podem nos indignar.

À medida que conhecemos cada um, podemos criar carinho e até mesmo odiar alguns. O tema central da história é o amor, e o amor em suas várias e indefinidas formas. Esperem por conflitos como traição e brigas entre famílias e também como tudo pode ser superado da melhor forma possível. Outros temas também são abordados, como a deficiência da irmã de Natália, inclusão social e como lidar com essas situações.

Uma das coisas que mais me agradam em livros espíritas, é a forma como podemos observar cada tema se desenrolar de forma linda e sempre reflexiva. Impossível ler um livro desses e não começar a repensar suas ações, seja na família, com amigos ou até mesmo com pessoas que você pode não conhecer.

Mas ao mesmo tempo o livro tem alguns pontos negativos que cansam. Por mais que trate de temas por vezes pesados, o desenrolar se torna rápido demais. O romance de Natália e Yuri e Bete e Murilo, por mais que seja bonito e vivo, é tão rápido que chega quase a ser inacreditável. Em uma página eles se conhecem e na outra já estão como um casal. Outro ponto negativo foram as atitudes clichês e esperadas da vilã Soraia. Cada plano que arquiteta para separar o casal principal é previsível e bem parecido com enredos de novelas mexicanas.

É claro que coisas assim cansam o leitor, e fazem até com que percam a vontade de ler. Mas me atenho neste caso a essência da história, a como ela pode afetar cada um e causar reflexões. Isso faz com que queiramos ler cada página e descobrir mais sobre o passado e também o futuro de cada personagem.

A diagramação do livro é bem trabalhada, a revisão está de parabéns e eu simplesmente me encantei por essa capa maravilhosa. O livro leva três estrelas. 





5 comentários

  1. Não sei o que categorizaria esse livro como um livro espirita, pois não encontrei conexões com a matéria... parece ser um bom livro, e a resenha está de parabéns ^^
    PS: Não deixar a minha irmã casar com nenhum Silas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, neste caso, a temática espírita está nas entrelinhas, e quando é apresentada realmente no livro, é emocionante. O livro nos passa lições e nos mostra experiencias bacanas, só que tem lá alguns pontos negativos, como por exemplo parecer mais uma novela mexicana rs'

      Elder Koldney

      Excluir
  2. Li o livro, mas não vi os pontos negativos que você colocou. Achei a trama perfeita, avaliei com 5 estrelas no skoob, porque a obra merece todo o nosso reconhecimento, assim como o segundo livro do autor, que aborda homossexualidade sob a temática espírita.

    ResponderExcluir
  3. Li o livro, mas não vi os pontos negativos que você colocou. Achei a trama perfeita, avaliei com 5 estrelas no skoob, porque a obra merece todo o nosso reconhecimento, assim como o segundo livro do autor, que aborda homossexualidade sob a temática espírita.

    ResponderExcluir
  4. Li o livro, mas não vi os pontos negativos que você colocou. Achei a trama perfeita, avaliei com 5 estrelas no skoob, porque a obra merece todo o nosso reconhecimento, assim como o segundo livro do autor, que aborda homossexualidade sob a temática espírita.

    ResponderExcluir

 
Desenvolvido por Michelly Melo.