Eu Li – Uma Outra História de Amor

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

O rebelde e ansioso Yuri é o protagonista do romance "Uma outra história de amor", lançado pela Editora Vida & Consciência. Seu tempo na terra é curto: por conta da imaturidade, o jovem sofre um grave acidente de carro, colocando sua vida em risco e causando grande sofrimento a todos à sua volta. Vem a falecer poucas horas depois, deixando a família e seu grande amor, Marcelo, desamparados.

Contudo, agora percebo que o amor é algo tão sublime que pode ser percebido de muitas formas. Algumas delas podem até nos confundir os pensamentos, outras podem gerar expectativas, que nos fazem acreditar no amor como o único sentimento capaz de nos fazer doar ao próximo. Mas agora, independentemente da natureza do amor que sentimos um pelo outro, sabemos que é incondicional e verdadeiro.
Uma Luz No Fim Do Túnel; Página 123.



Nunca havia lido livros nesta temática. Mesmo ainda não sendo espírita, sempre tive muita curiosidade sobre todo esse meio, então, claro que minhas expectativas eram grandes.

Yuri é o que podemos chamar de adolescente rebelde e tem uma boa condição, sua família é dona de uma concessionária. Tem um relacionamento secreto com Marcelo, isso, por receio da sociedade preconceituosa e que não vê essa sua escolha com bons olhos. Sua válvula de escape são os rachas, que sempre frequenta. E quando ele completa 18 anos, e seu pai lhe dá um carro de presente, sua primeira atitude e mostrá-lo para Marcelo, e em seguida, parte para uma corrida, onde acaba sofrendo um acidente e morrendo ali no local.

A partir de então, Yuri conhece o outro plano, onde estão todos aqueles que desencarnam e aceitam isso. Lá, ele reencontra a sua avó Lucinda, que muito lhe ajudará nessa missão de evolução. Só que a ansiedade do rapaz é algo que ele tem de melhorar, então, logo começa a ajudar grupos de socorro para os desencarnados, o que irá lhe ajudar na sua evolução.

Na terra, seus pais e Marcelo sofrem muito, e quando o conselheiro de Yuri acha que ele está pronto, envia-o para guiar os passos de seus entes queridos e cuidar para que voltem a viver em harmonia com a vida.


Era ali, nas pistas de racha, que exteriorizava as mágoas que sufocavam meu peito.
Renascendo em Espirito; Página 31.


É bem difícil começar essa resenha, e mais difícil vai ser eu escrevê-la e passar para vocês o quanto o livro é bom. Primeiro me encantei pela narrativa em terceira pessoa e pelos personagens criados no decorrer da história. O difícil foi eu não me identificar com nenhum. Por falar em história, ela é linda, emocionante e apaixonante. Tudo é narrado com muito atenção e detalhes que  me deixou encantado.

Uma das coisas que mais gostei, foi a quantidade de personagens que o livro traz, e como a história de cada um é emocionante. Vemos como cada personagem cresce evolutivamente no decorrer das páginas. E cada passagem sobre a vida de cada um, nos traz coisas para refletir, e ações para analisarmos de outro ponto de vista e podemos ver como nossas atitudes podem contribuir para o nosso futuro. A homossexualidade é tratada com naturalidade, e percebemos o quanto essa característica é importante na evolução de Yuri.

A preferência sexual e sentimental do espírito permanece a mesma até depois da morte. Essa foi a forma que ele escolheu para evoluir e vai continuar assim até que seja necessário.
Acidente Aéreo; Página 38.

Posso dizer que o trabalho gráfico do livro é muito bom. A capa foi o que me levou a ler a sinopse, então foi muito amor a primeira vista. Por dentro, a editora teve todo um cuidado especial com a diagramação. Se tenho que citar um ponto negativo, são as folhas brancas. Sim, eu não gosto.

Uma Outra História de Amor, foi um livro que me surpreendeu, e me fez refletir sobre muita coisa que até então, eu não via importância. Se procuram um livro sem preconceitos, emocionante e reflexivo, essa é a minha dica.

Na eternidade do espírito, com a permissão divina, sempre temos direito a uma segunda chance.
Renascendo em Espirito; Página 27.



Livro: Uma Outra História de Amor
Autora: Flavio Lopes, pelo espírito Emanuel
Editora: Vida e Consciência

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Desenvolvido por Michelly Melo.